No fim a Natureza sempre vence...


Explorando um pouco mais a Ilha, resolvemos fazer um passeio até a ponta da praia. Onde o mar e o rio unem-se... Neste ponto, onde o mar faz a curva (rsrs) a estrada acaba e, a única maneira de se chegar até lá é pela beira da praia.


Paramos o carro aqui, para analisar a possibilidade de travessia mas, como já passava das 12hs a maré já estava alta e, portanto, o risco de não conseguirmos voltar era grande!
Mas o passeio não estava perdido, pois, este local onde paramos era ao mesmo tempo assustador e fascinante...
Haviam várias árvores inteiras, arrancadas pela raiz e arrastadas pelo mar até este local. Um verdadeiro cemitério de árvores!


O vento forte, a fúria das ondas e este cenário poderia nos dar a impressão de que passou um furacão por este local. Mas, a verdade, é que é aqui que o mar devolve as grandes coisas que ele arrasta... Pois encontramos muito mais que árvores!


Peças gigantescas de navios, sabe-se há quanto tempo depositadas ali na praia. Que, agora, já passou a fazer parte do cenário e serve de abrigo e moradia para animais marinhos!
Mas a pergunta fica: "Como algo tão imenso pôde ser arrastado até ali?"


Caminhando um pouco mais, algo realmente, impressionante! Neste trecho da praia, o mar tomou de volta o que era seu por direito! Destruiu casas inteiras e despejou os invasores... As imagens são incríveis e parece que aconteceu um terremoto por aqui...


Mas é só a Natureza mostrando quem é que manda!


Passeio fantástico e assustador mas recomendadíssimo!!!!!



You Might Also Like

0 comentários